Qual a Importância do Cão no Desenvolvimento da Criança?

Qual a importância do cão no desenvolvimento da criança? Quem tem um cãozinho em casa sabe como esses animais são capazes de mudar nosso dia a dia, nosso humor. Mas, o que muita gente não sabe, é que mais do que apenas nos alegrar e divertir, eles podem fazer muito pela saúde e desenvolvimento das crianças.

Por isso, se tem criança em casa e está na dúvida entre adotar, ou não, um cãozinho, não pode deixar de ler esse artigo!

Antes de mais nada, é bom saber que a importância dos animais de estimação no desenvolvimento das crianças, principalmente, cães e gatos,  não é um assunto recente, vem sendo constantemente estudado, inclusive, por pesquisadores da Universidade da Califórnia.

Em um desses estudos, realizado com um grupo de crianças, entre seis meses e dois anos e meio, constataram que elas, ao interagirem com um animalzinho, acabaram apresentando um nível superior de desenvolvimento cognitivo, social e motor. Confira mais detalhes sobre importância do cão no desenvolvimento da criança.

Qual a importância do cão no desenvolvimento da criança?

Segurança e confiança

Os animais proporcionam um acentuado sentido de segurança às crianças, fomentando também a sua autoestima. A ligação afetiva é outra vantagem que encontramos neste relacionamento, já que as crianças formam com os animais de estimação ligações fortíssimas, que, em muitos casos, podem ser tão fortes quanto as que têm com os pais.

Conexões emocionais feitas com animais podem ser mais facilmente transferidas para relações entre humanos, através do aumento de atitudes empáticas. Assim, interagindo com animais, as crianças acabam aprendendo mais facilmente sobre a vida, reprodução, nascimento, morte e acidentes, sendo também fomentada uma aprendizagem de condutas sociais positivas.

Noções de responsabilidade

Geralmente, as crianças são cuidadas, porém, quando têm animais de estimação e lhe transferem essa responsabilidade, elas acabam aprendendo com essa inversão de papéis, experimentando, assim, um sentido de responsabilidade.

Alimentar, mudar a água diariamente do animalzinho, cuidar dele, é colocar as  necessidades de um outro ser à frente das suas, ou seja, sendo uma ótima forma de exercitar a generosidade desde cedo.

Liderança e Altruísmo

Em recentes estudos realizados no Japão e na Austrália, professores relataram que as crianças que tinham contato e mais intimidade com animais de estimação apresentavam índices mais elevados de liderança e altruísmo.

Mais saúde

Além de todos esses fatores acima citados, estudos também comprovaram que a presença de um animal de estimação em casa pode agir diretamente na prevenção e tratamento de algumas doenças, garantindo mais saúde para a criança. Principalmente sempre levar sem cão para o banho e tosa regularmente.

Inclusive, um estudo realizado na Finlândia, na Universidade de Kuopio, comprovou que a convivência entre cães e crianças favorece o fortalecimento da imunidade, reduzindo significativamente o risco de desenvolvimento de doenças respiratórias e infecciosas.

Enquanto pesquisas realizadas pela Associação Americana do Coração comprovaram que ter um animal de estimação em casa ajuda a reduzir o risco cardíaco, principalmente, pelo fato do animal estimular a atividade física e, diretamente, o trabalho cardiovascular.

Benefícios da relação entre crianças e animais de estimação

Se a sua preocupação e impedimento para adotar um animalzinho é a suposta bagunça que o mesmo fará na sua rotina e na casa, acredite, se colocarmos isso na balança, os benefícios e a alegria que o mesmo colocará no seu dia a dia vão sair ganhando.

Realmente, não é tão simples administrar os cuidados com uma criança e um filhote, esbanjando energia, mas no final das contas, valerá muito a pena.

Só para ter uma ideia, confira abaixo alguns dos principais benefícios, cientificamente comprovados, da importância do cão no desenvolvimento da criança:

  • Diminuição da ansiedade e do estresse;
  • Desenvolvimento afetivo e educacional acima da média;
  • Desenvolvimento do altruísmo;
  • Melhora do desenvolvimento cognitivo;
  • Fortalecimento do sistema imunológico;
  • Redução do índice de problemas alérgicos, como asma, bronquite e dermatite crônica;
  • Menor incidência de problemas como sedentarismo e obesidade;
  • Melhora do desenvolvimento muscular infantil.
  • Mais responsabilidade;
  • Mais humor e solidariedade;
  • Mais sociabilidade.

Adotar com responsabilidade

É preciso ter em mente que apesar da importância do cão no desenvolvimento da criança, o mesmo representa mais gastos, mais trabalho e responsabilidade.

Ao adotar um animal estará passando todos as noções de responsabilidade, afeto e altruísmo acima citadas, assim como, se desfazer de um animal estará passando conceitos opostos a esses, inclusive, fazendo a criança crer que ela também pode ser abandonada caso não se encaixe nas expectativas de seus pais. Pet shop perto de mim, só clicar no link.

Ou seja, é preciso pensar muito antes de adotar um animal de estimação pois, assim como o mesmo trará infinitas alegrias, ele também irá exigir cuidados e carinho.

Enfim, um animal de estimação não será a solução para todos os problemas, mas sem dúvida, ele tem muito a nos ensinar, e a criança só tende a crescer mais humana e bem mais feliz.

Leia mais: Quais os tipos de água que bebemos?

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *